• Piso PVC: plástico idêntico à madeira

 

Divulgação

Compare o piso PVC com o banquinho e perceba a grande semelhança que há com a madeira

 

Já comum em grandes centros e em redes conceituadas de hotelaria, o piso de PVC (produto importado da Itália) começa a conquistar também um público grande por todo o Brasil. Em Maringá não é diferente, segundo o empresário Manolo Otero, proprietário da Prisma Revestimentos, que diz ter percebido uma procura muito grande por este piso.

Embora exista há mais de vinte anos na Europa, só agora o PVC vem sendo opção desejada na hora de revestir o piso do imóvel. Isso se deve às condições cada vez mais acessíveis de preço, geradas principalmente pela competitividade do mercado e facilidades cada vez maior de importação.

Além disso, na opinião de Otero, o principal fator que tem levado às pessoas a investirem no PVC se dá porque os brasileiros estão apostando cada vez mais na criatividade e no bom gosto, e não somente no custo, quando o assunto é construção e decoração.

Confesso apreciador do produto, ele enumera uma série de vantagens do piso de PVC. A começar pela instalação, extremamente rápida, simples e higiênica. Com a possibilidade de ser colocado em cima de outro piso, na instalação do PVC, que mede apenas três milímetros, não é preciso se preocupar nem mesmo com as portas.



"Muitas vezes, quando se vai colocar um piso em cima de outro piso, é preciso cortar um pedaço da porta para dar certo. Por ser muito fino e colado ao chão, com o PVC isso não é necessário", diz o empresário.

E por falar em colocação de pisos, Otero anuncia uma das mais recentes novidades em se tratando de pisos de PVC: trata-se da série Interoffice, da marca de pisos Interfloor, que, em vez de colada, é instalada por meio de encaixes. "Além de ficar muito bem em residências, esta linha é recomendada para escritórios, auditórios, áreas comerciais, palcos de teatro, entre outros", enumera.


O fim do "toc toc"

Tanto esta quanto as demais linhas de piso de PVC tem como característica principal, quando comparado a outros tipos de piso, a ausência de barulhos, que podem incomodar vizinhos, os moradores da casa ou, em ambientes de trabalho, incomodar toda a equipe.

Portanto, quem instala PVC no piso, diz Otero, vai se livrar do famoso "toc toc" dos sapatos. Ideal principalmente para aquelas mulheres que não dispensam o uso de sapato com salto agulha.

"Gostoso para ficar descalço e também para as crianças brincarem, muita gente prefere o PVC na hora de comprar o piso dos quartos da casa. Mas, por ser impermeável, pode muito bem ser instalado em outros cômodos, mesmo na cozinha e até no lavabo. Só não é recomendado para áreas externas onde há a incidência do sol", relata o empresário, lembrando que, por ser plástico, é permitido lavar o PVC, tendo apenas de secá-lo depois.

Ainda falando sobre plástico, justamente por este motivo a durabilidade do piso é bem longa, e as garantias das lojas costumam ser de até dez anos. Segundo Otero, é difícil visualizar, mesmo com o passar dos anos, o desgaste do piso de PVC, que costuma sempre manter aquele brilho e verossimilhança com a madeira, desde que, é claro, as limpezas sejam feitas adequadamente.


Em Maringá
Para encontrar o piso de PVC em Maringá, acesse o site:
www.prismarevestimentos.com.br

O portal odiario.com reserva-se o direito de não publicar comentários de conteúdo difamatório, calunioso e ofensivo. Os comentários não autorizados ficarão visíveis somente para os contatos/amigos da rede social do autor.

Últimas notícias de Construir & Decorar

Publicidade

Publicidade

Shopping

Anuncie nos classificados de O Diário

Pague com:

Loterias

  • Números sorteados
  • 15
  • 16
  • 18
  • 20
  • 22
  • 48

Publicidade

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal odiario.com não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com odiario.com para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato pelo e-mail parceria@odiario.com.

odiario.com 2010 © Todos os direitos reservados à Editora Central Ltda - O Diário do Norte do Paraná. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.