• Corra para garantir a viagem

  • Wilame Prado

Se você pensa que o Natal e o Réveillon ainda estão ‘muito longe’, está enganado. Para o setor de turismo, a alta temporada, abrangendo os festejos natalinos e o Ano Novo, são assuntos pautados a partir de março, com ponto alto de vendas de pacotes entre julho e agosto. Ou seja, se você quer garantir a viagem da família neste período, está atrasado.

Mas, mesmo faltando apenas quatro meses para o início da alta temporada, de acordo com o empresário Marcos Bezerra, proprietário de uma agência de viagem, ainda restam algumas opções de pacotes para quem deseja curtir uns dias de folga e lazer entre 20 de dezembro e 2 de janeiro.

No entanto, recomenda o profissional da área de turismo, quem tiver paciência e puder esperar até o dia 5 de janeiro para passear certamente encontrará pacotes com melhor custo-benefício, mais opções de destinos e ainda um melhor atendimento em hotéis.

"A partir de 5 de janeiro, há boas opções de pacotes para o Nordeste brasileiro, em especial para João Pessoa, Maceió, Salvador e Porto Seguro. Para Fernando de Noronha, os custos são mais altos. Nesse caso, compensa mais montar um pacote para o Caribe, que tem custo-benefício atrativo, tem um roteiro lindo e hotéis cinco estrelas", comenta Bezerra.

Divulgação

Ponta Verde, em Maceió: ainda há pacotes turísticos para Estados do Nordeste brasileiro

Poucas opções

Se ainda assim preferir ou ter disponibilidade apenas para viajar no final de ano, o empresário diz que ainda restam alguns pacotes turísticos para o Nordeste, com preços de em média R$ 2.200 por pessoa.

Para quem quer sair do País (a previsão para retirada do visto americano é só para janeiro ou fevereiro do ano que vem), Bezerra aponta a África do Sul e o Caribe como opções ainda disponíveis nas agências. A média de preço por pessoa para esses destinos internacionais é de R$ 7 mil o pacote.

Divulgação

As águas transparentes do mar

caribenho

"Os tours pela Europa já estão um pouco batidos, sem falar que é frio no fim de ano. Tours pela Ásia, como China, Japão e Indonésia, são bacanas, mas caros".

Cruzeiros marítimos

A temporada de cruzeiros marítimos, que se encerra no mês de maio, não oferece muitas opções com preços acessíveis para a alta temporada.

Em outras épocas ou comprado com antecedência, é possível achar excelentes cruzeiros por menos de R$ 3 mil. Abrindo mão de luxo e espaço na cabine, até por menos de R$ 2 mil dá para se fazer ótimos passeios de navio.

Para o final de ano, explica ele, apenas opções muito luxuosas, com varanda na cabine e outras regalias, restam para quem quiser curtir Natal e Ano Novo em alto mar. "As cabines cinco estrelas de cruzeiros custam
a partir de R$ 4 mil", diz Bezerra.

 

Para o states
Quem quer curtir uma viagem aos Estados Unidos deve começar a ir atrás do visto agora para viajar só em 2012. A expectativa para se conseguir o visto é para janeiro ou fevereiro. Em função disso, o empresário Marcos Bezerra recomenda planejar o tour aos States para agosto, fechando o negócio só depois de conseguir o visto. Ele não recomenda viajar para os EUA em julho, período de altíssima temporada.

O portal odiario.com reserva-se o direito de não publicar comentários de conteúdo difamatório, calunioso e ofensivo. Os comentários não autorizados ficarão visíveis somente para os contatos/amigos da rede social do autor.

Últimas notícias de Turismo & Lazer

Publicidade

Publicidade

Shopping

Anuncie nos classificados de O Diário

Pague com:

Loterias

  • Números sorteados
  • 41
  • 49
  • 36
  • 42
  • 31
  • 38

Publicidade

Aviso importante: A reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo (textos, imagens, infográficos, arquivos em flash, etc) do portal odiario.com não é permitida e, caso se configure, poderá ser objeto de denúncia tanto nos mecanismos de busca quanto na esfera judicial. Se você possui um blog ou site e deseja estabelecer uma parceria com odiario.com para reproduzir nosso conteúdo, entre em contato pelo e-mail parceria@odiario.com.

odiario.com 2010 © Todos os direitos reservados à Editora Central Ltda - O Diário do Norte do Paraná. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuido sem prévia autorização.